O pai do fotojornalismo português numa rua de Lisboa

rua joshua benoliel - placa

Freguesia de Campo de Ourique – Placa Tipo V                                                    (Foto: José Carlos Batista)

Considerado o pai do fotojornalismo português, muito por ter registado momentos históricos decisivos das primeiras décadas do século XX, Joshua Benoliel completaria no próximo domingo 140 anos de idade.

A Câmara Municipal de Lisboa procurou preservar a memória deste fotógrafo lisboeta na toponímia da cidade no decorrer da década de 80 do século passado. Com a legenda «Repórter Fotográfico/ 1873 – 1932» foi dado o seu nome à Rua C da Urbanização das Amoreiras (situada entre a Rua Carlos Mota Pinto e a Rua Silva Carvalho) por Edital municipal de 08/07/1986. Contudo, após a morte de Maria Ulrich – fundadora da Escola Superior de Educadoras de Infância – que residia na Rua Silva Carvalho, no Palácio Ulrich (também denominado Casa Veva de Lima), o próprio Presidente da Câmara Municipal, que era então o Engº Krus Abecasis, sugeriu que ela fosse inscrita num arruamento das proximidades da sua residência, o que era o caso da Rua Joshua Benoliel que tinha ainda a vantagem de não ter moradores ou comerciantes estabelecidos que pudessem ser afetados pela alteração da nomenclatura e assim, pelo Edital de 03/05/1989 a Rua Joshua Benoliel tomou o nome de Rua Maria Ulrich e o fotojornalista  passou para o arruamento construída no prolongamento da Rua José Gomes Ferreira, desde a sua confluência com a Rua Carlos Alberto da Mota Pinto até à Rua Silva Carvalho.

Joshua Benoliel (Lisboa/13.01.1873 – 03.02.1932/Lisboa – Rua Ivens) nasceu numa família judaica que se instalara em Gibraltar e, por isso possuía cidadania britânica, da qual não abdicou até à morte. Destacou-se pela cobertura fotográfica de acontecimentos marcantes da história portuguesa do início do século XX, como as eleições de 1908, o regicídio, a implantação da República em Lisboa – quer na Rotunda quer nos Paços do Concelho -, as exéquias fúnebres a Miguel Bombarda e Cândido dos Reis nos Paços do Concelho de Lisboa, as greves dos primeiros anos da República, a participação do exército português na Flandres durante a I Guerra Mundial ou o consulado de Sidónio Pais e, a partida para o exílio de Bernardino Machado. Benoliel também dedicou particular atenção a Lisboa, cidade de que fotografou os arruamentos, a zona ribeirinha com as fragatas do Tejo e as fainas portuárias, as lojas emblemáticas do Chiado e da Baixa, os quiosques e os diversos vendedores ambulantes que calcorreavam e abasteciam a capital.

Ainda como amador, publicou a sua primeira fotografia na revista Tiro Civil, em 1898, mas trabalhou essencialmente para O Século e para a revista do mesmo jornal, a Ilustração Portuguesa, de 1903 a 1918 e de 1924 até à sua morte, bem como para as revistas Ocidente e Panorama. Também trabalhou para imprensa estrangeira como o ABC de Madrid ou a Ilustration de Londres.

Publicou em fascículos a  obra Arquivo Gráfico da Vida Portuguesa, ilustrada com fotografias de 1903 a 1918 e, prefácio de Rocha Martins. Refira-se que para além da atividade jornalística Joshua trabalhou também como despachante alfandegário até 1904 e, de 1918 a 1924, foi relações públicas dos hotéis Alexandre de Almeida. Além disto, Benoliel ainda representou em Portugal a livraria Maggs Brothers, de Londres, para a qual disputava nos grandes leilões as melhores obras que iam à praça.

Joshua Benoliel foi galardoado com a Medalha de Ouro da Exposição de Artes Gráficas de Leipzig (1915) e condecorado com a Ordem de Santiago (1909 e 1929) e a Ordem de Mérito Civil espanhola (1930). O seu vasto espólio encontra-se essencialmente no Arquivo Fotográfico da CML e também no Museu da Assembleia da República, Museu de Marinha, Automóvel Clube de Portugal e Guarda Nacional Republicana. O seu filho Judah Benoliel seguiu também a carreira de foto-repórter.

Rua Joshua Benoliel - Freguesia de Campo de Ourique (Foto: José Carlos Batista)

Rua Joshua Benoliel – Freguesia de Campo de Ourique (Foto: José Carlos Batista)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s