O autor do «Amigo de Peniche» no Bairro do Alfenim

Placa Tipo IV

Freguesia de Marvila – Placa Tipo IV                        (Foto: Sérgio Dias)

O autor da peça O Amigo de Peniche, Ernesto Rodrigues, está na toponímia do Bairro do Alfenim com mais seis autores teatrais, desde que o Edital de 20 de Março de 1995 o fixou no arruamento compreendido entre a Rua Sousa Bastos e a Avenida Paulo VI.

Os CTT solicitaram à edilidade alfacinha que fossem atribuídos topónimos aos arruamentos da área envolvente da Azinhaga do Vale Fundão e, daí nasceu o Bairro dos Autores Teatrais, que para além da Rua Ernesto Rodrigues inclui a Rua Bento Mântua, a Rua Lino Ferreira, a Rua Sousa Bastos, a Rua Xavier de Magalhães, o Largo Vitoriano Braga e o Largo Álvaro de Andrade.

O Domingo Ilustrado, 04.10.1925

O Domingo Ilustrado, 04.10.1925

Ernesto Rodrigues (Lisboa/06.06.1875 – 26.01.1926/Lisboa) estreou-se em 1899 com a comédia em 1 acto A Arte de Montes. Depois, escreveu para o Teatro Ginásio diversas farsas como O Pinto Calçudo (com André Brun) e O Cão e o Gato (com Acácio de Paiva). A seguir, com João Bastos e Félix Bermudes constitui um grupo que a imprensa baptizou como «Parceria», responsável pela produção de comédias, operetas e revistas. Noutros trabalhos teatrais também se associou a Luís Galhardo, Pereira Coelho e Lino Ferreira.

Da sua vasta obra de repertório, com mais de 80 títulos, salientamos O Amigo de Peniche, O Conde Barão, O Leão da Estrela, João Ratão, O Rei do Lixo, Semana dos Nove Dias, Tira-Dentes e, as revistas A.B.C., Agulha em Palheiro, De Capote e Lenço e Rataplan.

Freguesia de Marvila - Placa Tipo IV                        (Foto: Sérgio Dias)

Freguesia de Marvila – Placa Tipo IV                                                                                                    (Foto: Sérgio Dias)

Anúncios