Todos os topónimos de música na Lisboa dos anos 90

musica anos 90

Lisboa integra hoje 90 topónimos relacionados com música nas artérias da cidade.

Na última década do século passado, 22 topónimos atribuídos referem-se a personalidades relacionados com música, sendo a grande maioria compositores.

A diferença em relação a outras épocas prende-se logo com a consagração da professora e crítica musical Francine Benoit, cuja artéria por mor do seu nome estrangeiro foi muitas vezes pronunciada e escrita em endereços de cartas como «Francine Benoite».

O Fado avolumou-se nas placas toponímicas lisboetas com mais 7 topónimos: Amália, Hermínia, Lucília do Carmo, Maria Teresa de Noronha, Maria Alice, Maria José da Guia e Maria do Carmo Torres.

Recuperou-se também um músico do século XVI que se estabelecera em Itália, Vicente Lusitano, a partir da sugestão de um munícipe para a artéria específica onde se encontra.

E pela 1ª vez Lisboa também consagrou duas figuras da nova música portuguesa, Carlos Paião e António Variações, ambos falecidos de forma  inesperada.

NOTA: Pode ainda consultar artigos nossos já publicados sobre a Rua Fernando Lopes Graça, Rua Jaime Mendes, Rua Frederico Valério.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s