A Rua Profª. Teresa Ambrósio na Cidade Universitária

Freguesia de Alvalade (Foto: Sérgio Dias)

Freguesia de Alvalade
(Foto: Sérgio Dias)

A partir do voto de pesar da CML, foi o nome da Profª. Teresa Ambrósio inscrito na toponímia de Lisboa, na Rua Interior da Alameda da Universidade, entre a Faculdade de Farmácia e a Faculdade de Medicina Dentária, por Edital de 16/09/2009, com a legenda «Pedagoga e Política/1937 – 2006».

Pelo mesmo Edital, mais 3 arruamentos da zona da Universidade Clássica de Lisboa ganharam nomes de investigadores, a saber, do matemático António Aniceto Monteiro, da química Branca Edmée Marques e do geólogo Paul Choffat.

0 amonet_TeresaAmbrosio

Maria Teresa Vieira Bastos Ramos Ambrósio (Vila Nova de Ourém/1937 – 11.09.2006/Lisboa) distribuiu-se pelos domínios académico, de administração e político, tendo sempre pugnado pela ascensão da intervenção da mulher na cultura, na educação e na política.

Licenciada em Ciências Físico-Químicas (1959), Mestre em Sociologia do Desenvolvimento pela Universidade de Grenoble (1975) e Doutora em Ciências da Educação pelas Universidades de Lisboa e de Tours (1986), foi Professora da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa – onde fundou a Secção de Ciências da Educação-, criou a Unidade de Investigação, Educação e Desenvolvimento (UEID) que coordenava assim como o Mestrado em Ciências da Educação, para além de ter sido também Professora «Agrégée» da Universidade de Tours.

Na área de administração, Teresa Ambrósio exerceu funções de Técnica de Planeamento da Educação (no Secretariado Técnico da Presidência do Conselho de Ministros e no Gabinete de Estudos e Planeamento do Ministério da Educação), de Coordenadora de painéis na área das Ciências da Educação e da Psicologia, bem como da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, sendo de destacar da sua produção de investigação, entre muitos outros títulos, as obras Reinventar o Pensamento Educativo (1998), e Qualificação de Recursos Humanos e Valorização Humana (2003). Foi ainda Diretora do Instituto de Estudos e Desenvolvimento – IED (1979), Presidente do Conselho Nacional de Educação (1996 – 2002), e nessa qualidade Presidente da Rede Europeia de Conselhos Nacionais de Educação (1997), membro do Conselho Executivo da Rede Europeia da «Modelisation de la Complexité» (desde 2003), consultora da Comunidade Europeia na área da Educação e Formação, e participante em várias Redes Internacionais de Formação de Recursos Humanos, Mudança Social e Desenvolvimento. Foi ainda fundadora, em 2003, da Associação Portuguesa de Mulheres Cientistas (AMONET).

Na sua carreira política foi Deputada à primeira Assembleia Municipal de Lisboa (1977-1979) e à Assembleia da República pelo Partido Socialista (1976 – 1983), tendo neste último caso sido Presidente da Comissão Parlamentar da Condição Feminina, Vice – Presidente da Comissão Parlamentar de Educação e Vice – Presidente do Grupo Parlamentar do Partido Socialista.

Freguesia de Alvalade (Planta: Sérgio Dias)

Freguesia de Alvalade
(Planta: Sérgio Dias)

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s