A Travessa das Linheiras em Belém

Freguesia de Belém (Foto: Sérgio Dias)

Freguesia de Belém
(Foto: Sérgio Dias)

Esta Travessa das Linheiras que vai da Rua Vieira Portuense à Rua de Belém recebe a denominação por ali ter havido comércio de linha, cordame e cabos.

Mas terá tido denominações anteriores, de acordo com Luís Pastor Macedo: « O nome mais antigo que se sabe ter tido esta travessa é o de Manuel Faria:’ No ano da graça de 1692 já morava em Belém, na 2ª travessa sobre a parte do mar o sr. Manuel de Faria (…) E, pelo menos até 1733, embora a travessa fosse designada ora como segunda, ora como primeira, continuou morando e (vê-se pelos róis das desobrigas) morando sempre na mesma casa. (…) Não sei quem fosse nem de que vivesse este sujeito. (…) Em 1756, morto já Manuel de Faria, encontro o arruamento designado por travessa das Brásias e o padre João Baptista de Castro na quinta parte do seu Mapa de Portugal publicada em 1758, diz que ele era conhecido por ambos os vocativos. Quem fossem as senhoras Brásias que deram origem ao novo apelido é que não sei dizer, a menos que se trata das três filhas da senhora Brásia Antunes, viúva de Manuel da Costa, que moravam por ali algures. (…) Outro nome que esta serventia parece ter tido, foi o de travessa de Tomás Caetano denominação que memorava a estada ali de Tomás Caetano Antunes, casado com D. Joana Joaquina de Faria, que, segundo hipótese aceitável, seria filha do já nosso conhecido Manuel de Faria.»

Freguesia de Belém

Freguesia de Belém

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s