De Cata-que- Farás à Rua Direita do Alecrim

Freguesia da Misericórdia

Freguesia da Misericórdia

Esta artéria que hoje liga a Praça Duque de Terceira à Praça de Luís de Camões é um topónimo antigo, que data do século XVII, e sobre o qual o olisipógrafo Luís Pastor de Macedo precisa que : “(…) a rua do Conde nos fins do século XVII foi também designada por rua Direita do Conde, aparecendo pela primeira vez em 1693 a denominação da rua Direita do Alecrim. Depois do terramoto, além de ter tido o nome de rua das Duas Igrejas, conforme diz Castilho e Gomes de Brito menciona, teve também, segundo o mesmo autor, o nome de rua Larga do Loreto, nome que aliás não lhe vemos dar, uma única vez que seja, nos registos paroquiais. No fim do século XV era a estrada que vay ter a Cata que farás.”

Este topónimo insere-se na antiga tradição popular de designar os locais pelas suas particularidades naturais e tanto mais que no espaço territorial da hoje Freguesia da Misericórdia, a partir de 1513, foi feita uma divisão de propriedades em talhões e hortas que os topónimos guardaram na memória de Lisboa como a Calçada, a Rua e a Travessa do Ferragial, a Rua da Horta Seca, a Travessa da Laranjeira ou na Rua das Flores que é paralela à Rua do Alecrim.

Placa Tipo II - Freguesia da Misericórdia

Placa Tipo II – Freguesia da Misericórdia

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s