A Calçada do pai na artéria onde o filho residiu

A Calçada Salvador Correia de Sá em 1946 (Foto: Fernando Martinez Pozal, Arquivo Municipal)

A Calçada Salvador Correia de Sá em 1946 quando se designava Calçada Castelo Branco Saraiva
(Foto: Fernando Martinez Pozal, Arquivo Municipal)

A antiga Calçada de S. João Nepomuceno, que a partir do Edital de 14/10/1915  se denominou Calçada Castelo Branco Saraiva, passou por Edital municipal de 28 de agosto de 1950 a ser a Calçada Salvador Correia de Sá, por referência ao pai do filho com o mesmo nome que ali residiu.

No século XVIII, por ser a morada de seu filho com o mesmo nome, esta calçada já  era conhecida como rua de Salvador Correia de Sá. Por exemplo, no Livro 5º de Consultas e Decretos de D. João V, encontramos com datas de 13 a 20 de julho de 1714, uma consulta sobre a utilização de águas públicas retidas num tanque por um cirurgião inglês, que aforou um andar na rua de Salvador Correia de Sá e que se insurgiu violentamente contra os oficiais do Senado quando estes o proibiram de reter a dita água. Contudo, quando em 1950 a Câmara Municipal deliberou recuperar topónimos antigos escolheu o nome setecentista do filho, mas identificou-o como sendo o pai, que fora Governador do Rio de Janeiro.

salvador-correia-de-saSalvador Correia de Sá e Benevides (Cádis/1602 – 1688/Lisboa), filho do bandeirante Martim Correia de Sá e de mãe espanhola, ainda era primo de Mem de Sá e de Estácio de Sá, os fundadores do Rio de Janeiro. Salvador seguiu a carreira militar e política. Logo em 1625 lutou contra a invasão holandesa em Salvador, a bordo do navio Nossa Senhora da Penha de França. Durante as Guerras da Restauração recuperou da ocupação holandesa a soberania portuguesa de Angola bem como de S. Tomé e Príncipe, pelo que foi nomeado governador de Angola (1648-1651). Desempenhou também as funções de governador do Rio de Janeiro por três vezes (1637-1643, 1648 e 1659-1660) e de governador da capitania do sul do Brasil (1659-1662), para além de ter sido nomeado Almirante das frotas do Brasil e Conselheiro dos Conselhos de Guerra e Ultramarino, assim como administrador de todas as Minas do Brasil, tendo em 1662, superado a chamada Revolta da Cachaça, no Rio de Janeiro.

Refira-se também que em  1639, o conde da Torre colocou sob sua jurisdição, «na guerra e na justiça», também as capitanias de São Vicente e de São Paulo, autorizando-o a perdoar os crimes desde que os agraciados se alistassem na tropa e nesse recrutamento foi auxiliado por António Raposo Tavares que também está na toponímia de Lisboa, assim como Luís Pedroso de Barros, um dos recrutados. E em 1641, quando se soube no Brasil da Restauração, Salvador Correia de Sá aclamou o rei D. João IV, o que lhe custou muitos bens que possuía em Espanha assim como na colónia castelhana do Peru.

Salvador Correia de Sá casou na Argentina com D. Juana Catalina, de origem espanhola mas nascida no continente americano, com quem teve 6 filhos, o que o tornou também um grande latifundiário em Tucumán (hoje, na Argentina). Foi sepultado no Convento de Nossa Senhora dos Remédios dos frades Carmelitas Descalços ou Marianos à Rua das Janelas Verdes, que hoje é a York House.

O Grupo Amigos de Lisboa, evocou Salvador Correia de Sá e Benevides em 8 de dezembro de 1961, colocando uma placa no átrio da igreja do antigo Convento dos Marianos. Em 1948 foi também escolhido para Patrono do Curso desse ano da Escola Naval. E ainda antes, em 1924, o  Liceu de Luanda passou a designar-se Liceu Nacional Salvador Correia de Sá e Benevides.

De forma não exaustiva, referimos ainda que Salvador Correia de Sá é também topónimo de artérias do Barreiro, da Gafanha da Nazaré, de  Gondomar, Mem Martins, Estoril, e no Brasil, por exemplo,  em Fortaleza, Sabará e  São Paulo.

Freguesia da Misericórdia (Planta: Sérgio Dias)

Freguesia da Misericórdia
(Planta: Sérgio Dias)

 

 

 

 

Advertisements

One thought on “A Calçada do pai na artéria onde o filho residiu

  1. Pingback: Os três bandeirantes da toponímia de Lisboa em Belém | Toponímia de Lisboa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s