A Rua da taberna da Castiça

Freguesia do Lumiar
(Foto: Sérgio Dias)

A Rua da Castiça guarda a memória da dona de uma taberna  do Lumiar,  que durante bastantes anos do séc. XX ali serviu a sua clientela, junto à quinhentista casa de veraneio do Marquês de Angeja.

O topónimo nasceu pelo Edital de 25/06/1985, no troço da Estrada da Ameixoeira compreendido entre a Rua do Lumiar e a Rua Alexandre Ferreira, a partir de uma sugestão do munícipe  Pedro Lourenço, que justificava o pedido por a comerciante ser uma figura muito estimada na freguesia do Lumiar.

Rua Direita do Lumiar, com a publicação do Edital municipal de 8 de junho de 1889, passou a ser a Rua do Lumiar e até ao começo  dos anos 80 do século XX, era um arruamento fértil em diversos estabelecimentos que na sua maioria ocupavam os pisos térreos das casas desta rua. Um deles era a taberna da Castiça, no começo de uma artéria logo ao lado da Rua do Lumiar.  Ao lado desta taberna fica a Vila Adelina, a antiga casa de campo do Marquês de Angeja, ali erguida em data entre 1510 e 1530.

Freguesia do Lumiar
(Planta: Sérgio Dias)

 

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s