O Jardim Alice Cruz no Dia Mundial da Televisão

PENTAX Image

Freguesia de São Domingos de Benfica                                                                              (Foto: José Carlos Batista)

 

Neste Dia Mundial da Televisão que hoje se comemora recordamos a locutora Alice Cruz que desde 1995, por proposta do então vereador da Cultura, Dr. João Soares, dá nome a um Jardim de São Domingos de Benfica,  junto à Rua Padre Francisco Álvares ( Edital municipal de 17/02/1995).

De seu nome completo Maria Alice Amorim Cruz (Póvoa de Varzim/30.01.1940 – 10.06.1994/Lisboa) ficou na memória dos portugueses como apresentadora da RTP, onde se estreou em 1963, no programa Presença no Ultramar. No entanto, só quatro anos depois ingressou nos quadros da RTP, onde já apresentava a rubrica Ponto de Vista. E em 1970 impôs-se como uma das caras mais conhecidas e respeitadas da televisão portuguesa, para o que muito contribuiu a apresentação do programa recreativo A Hora do Almoço com que a RTP estreou as emissões naquele período do dia, alternando a apresentação entre Alice Cruz, Ana Zanatti e Linda Bringel. Passados dois anos, Alice Cruz passou a apresentar o popular programa Domingo à Noite, gravado no Teatro Maria Matos, com números musicais, de bailado e, de humor, protagonizados por Florbela Queirós e Norberto de Sousa, tendo partilhado a apresentação com Henrique Mendes, Eládio Clímaco e Maria Margarida. Foi também neste ano de 1972 que pela primeira vez Alice Cruz apresentou o Festival RTP da Canção, juntamente com Carlos Cruz. No ano seguinte,  ao lado de Artur Agostinho participou no programa de entrevistas O Tempo em que Você Nasceu e, a partir daí, foi sempre uma presença assídua na RTP, tanto na apresentação de programas de entretenimento como de concursos.

Alice Cruz havia começado a sua carreira em Angola, primeiro como locutora da Emissora Católica e, a partir dos 18 anos, na Emissora Oficial de Angola, onde faz reportagem, entrevistas, teatro radiofónico e produção de programas, sendo de destacar o programa Chá das Seis que apresentava.

Para além da televisão, Alice Cruz também colaborou com os Parodiantes de Lisboa, com a Antena 1 onde apresentou Felizmente há Domingos, com o jornal Tal & Qual onde assinava a rubrica «Querida Alice» e, de 1988 a Maio de 1991 acumulou as funções de locutora com as de directora da revista feminina Guia. Faleceu aos 54 anos no Hospital de Santa Maria em Lisboa, vítima de um atropelamento em Sobral de Monte Agraço.

Placa Tipo IV

Freguesia de São Domingos de Benfica – Placa Tipo IV                         (Foto: José Carlos Batista)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s