A pombalina Rua Nova do Carvalho ao Cais do Sodré

Freguesia da Misericórdia

Freguesia da Misericórdia (Foto: Artur Matos)

A Rua Nova do Carvalho, que liga a  Travessa do Corpo Santo à Praça de São Paulo, na zona do Cais do Sodré, tal como a Travessa do Carvalho, evoca a família do Marquês de Pombal, Sebastião José de Carvalho e Melo, responsável político pela reconstrução de Lisboa após o Terramoto de 1755 e, sobretudo o seu irmão Paulo de Carvalho e Mendonça.

levantamento topográfico de Francisco Goullard  de 1883 refere a Rua Nova do Carvalho  e, num orçamento do ano seguinte sabemos que se fizerem obras de calçada na artéria. Por seu turno, o Beco do Carvalho já aparece no levantamento topográfico de César e Francisco Goullard de 1879 e, pelo Edital municipal de 28/11/1895 passa a designar-se Travessa do Carvalho.

Após o terramoto de 1755, o Bairro dos Remolares no Cais do Sodré ganhou uma malha urbana pombalina, tanto mais que a área da antiga freguesia de São Paulo foi uma das 40 paróquias alvo de reconstrução pombalina. O plano urbanístico de Pombal resolveu a forte inclinação da vertente da Rua do Alecrim, prolongando-a  numa espécie de ponte em dois grandes arcos sobre a Rua de São Paulo e a Rua Nova do Carvalho e, este projecto mereceu especial atenção do Marquês de Pombal (1699-1782) que encarregou o seu irmão Paulo de Carvalho e Mendonça (1702-1770), que foi Monsenhor da Patriarcal de Lisboa, Inquisidor-mor e Presidente do Senado da Câmara (1764 a 1770), da administração das obras da Praça, a par de outras obras de primeira importância para a cidade, como os Paços do Concelho, o Depósito Público e o Cais da Ribeira. Nesta política tanto o marquês como o seu irmão e, ainda outros familiares, como o Morgado de Oliveira, construíram a expensas suas grandes edifícios na zona de São Paulo, sendo conhecido um projecto para casas do Marquês de Pombal na Rua de São Paulo, cujo desenho a tinta da china é assinado pelo próprio ministro.

Placa Tipo II

Placa Tipo II (Foto: Artur Matos)

Anúncios

One thought on “A pombalina Rua Nova do Carvalho ao Cais do Sodré

  1. Pingback: A Praça de São Paulo, do obelisco e dos quiosques | Toponímia de Lisboa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s