A Travessa do Enviado de Inglaterra

Freguesia lavaodois - placa tipo II (Foto: Sérgio Dias)

Freguesia de Santo António – Placa Tipo II
(Foto: Sérgio Dias)

A Travessa do Enviado de Inglaterra guarda a memória da presença de diplomatas ingleses na Lisboa da época das invasões napoleónicas.

De acordo com o olisipógrafo Norberto Araújo, o traçado do arruamento parece corresponder à setecentista Travessa de Lázaro Verde, que limitava uma Quinta dos Verdes, família de alemães depois naturalizada portuguesa de que o poeta Cesário Verde foi descendente.

Entre os Enviados de Inglaterra que viveram nesta artéria, sabe-se que um deles foi Lord Robert Stephen FitzGerald (1765-1833) que foi ministro plenipotenciário para Portugal entre 1802 e 1806.

Refira-se que anos mais tarde, em resultado do Ultimatum inglês de 1890, a população alfacinha passou a apelidar esta artéria como Travessa do Diabo Que o Carregue assim como a Travessa dos Inglesinhos passou a ser conhecida como Travessa dos Ladrões.

Freguesia de Santo António  (Foto: Sérgio Dias)

Freguesia de Santo António
(Foto: Sérgio Dias)

Freguesia de Santo António

Freguesia de Santo António

Anúncios

2 thoughts on “A Travessa do Enviado de Inglaterra

  1. Pingback: Um estrangeiro por freguesia na Toponímia de Lisboa | Toponímia de Lisboa

  2. Pingback: A Travessa dos Inglesinhos do «Record» | Toponímia de Lisboa

Os comentários estão fechados.